pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Outubro 2019
Compartilhar -

Um evento marcado pelo apoio à liberdade de expressão, com manifesto contra a censura e com a presença de mais de 600 mil visitantes e mais de 4 milhões livros vendidos, número superior à  bienal anterior, em 2017. Assim, foi a XIX Bienal Internacional do Livro Rio 2019, que aconteceu no Riocentro, entre os dias 30 de agosto a 8 de setembro último.

  Foram dez dias de muitas atrações: "Encontro com Autores" - oportunidade de encontrar e trocar bate-papos com seus autores favoritos sobre obras, personagens e inspirações; "Fórum de Educação" - uma programação especialmente dedicada a educadores e professores, profissionais engajados na Bienal, incentivando a leitura; "Café Literário" - com um time de autores brasileiros e internacionais renomados com rodas de conversas; e muito mais.

  O Movimento Espírita se fez presente com a participação de algumas distribuidoras e editoras de livros espíritas, dentre as quais citamos: Intelítera, Candeia, FEB, Boa Nova, Frei Luiz, com lançamentos literários, autógrafos, entrevistas comandadas em sua maioria pela Rádio Rio de Janeiro. Dentre os autores, destaques para Haroldo Dutra Dias,  Rossandro Klinjey, Ana Tereza Camasmie, Adeilson Salles, André Trigueiro, Ana Paula Gimenez, Jaime Ribeiro, Maurício de Sousa, Vera Lucia Marizeck, Ala Mitchell, Luis Hu, Eliana Machado Coelho, Ariovaldo Junior, Cleber Galhardi, entre outros.

  Turbilhões de páginas, tetos de livros coloridos e cenários de histórias foram um prato cheio para quem desejava registrar presença na Bienal do Livro. Painéis e estandes serviram de fundo para muitas selfies.

  A feira organizada pelo SNEL - Sindicato Nacional dos Editores de Livros já faz parte do calendário cultural do Brasil e exterior, com a participação de grandes nomes nacionais e internacionais, sendo também uma verdadeira experiência cultural para toda a família com conteúdo qualificado e diverso, constituindo-se como o maior festival cultural do Brasil.

  O evento foi memorável. Deu voz e ouvidos a todos os públicos. Reuniu e celebrou a cultura junto com autores, artistas, pensadores, lideranças de movimentos sociais.

Compartilhar
Topo
Ainda não tem conta? Cadastre-se AGORA!

Entre na sua conta