pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Setembro 2019

Sobre o autor

Paulo Velasco

Paulo Velasco

Compartilhar -

Todo ser vivo, seja ele animal ou vegetal, é composto por um material genético codificado, o DNA, abreviatura do ácido desoxirribonucleico, que contém as informações genéticas e assegura o controle das atividades celulares. Todo ser vivo éÉ único e possui uma sequência única de DNA, a qual pode ser comparada com um imenso teclado de piano no qual as teclas são os genes que contêm todas as informações sobre como será aquele indivíduo, o tamanho que vai atingir na maturidade, as doenças que poderá desenvolver, as cores dos olhos e dos cabelos.


             As mutações genéticas são definidas como alterações aleatórias no DNA celular. Elas mudam o gene produzindo assim erros bioquímicos de graus e severidades variáveis.  Esstas alterações podem levar ao aparecimento de tumores, cânceres, doenças degenerativas como o mal de Alzheimer, autismo, dentre outras.

Quando examinamos essas questões exclusivamente sob o aspecto materialista vemos apenas desesperança, pois não há efeito positivo nessas mudanças. Porém o Espiritismo nos mostra um Universo repleto de planejamento e perfeição. No livro “Evolução eEm Dois Mundos”, André Luiz nos explica que existem geneticistas espirituais. Ele os descreve como arquitetos espirituais e que a função desses espíritos altamente evoluídos é o projeto extremamente minucioso de transformar todo processo reencarnatório em código genético.

Com base no programa reencarnatório que é estudado pelo Mentor e também, às vezes, pelo espírito reencarnante, os geneticistas espirituais codificam o patrimônio genético para o reencarne. Por exemplo: se o reencarnante necessita passar por uma prova ou expiação de deficiência visual em seu DNA, o gene da visão terá uma alteração que poderá ser deflagrada por ocasião do nascimento ou depois, com uma idade predita.

O perispírito tem grande importância na confecção do DNA, pois é nele que ficam impressas todas as marcas degenerativas das vidas anteriores de nosso espírito, portanto os geneticistas espirituais têm que anotar cada detalhe do perispírito no DNA.
Emmanuel descreve a existência da genética espiritual: “as leis da genética encontram-se presididas por numerosos agentes psíquicos que a ciência da Terra está longe de formular, dentro de seus postulados materialistas. Esses agentes psíquicos, muitas vezes, são movimentados por mensageiros do plano espiritual, encarregados desta ou daquela missão juntos às correntes da profunda fonte da vida. Eis por que, aos geneticistas, comumente se deparam incógnitas inesperadas, que deslocam o centro de suas anteriores ilações.”.

Uma dessas incógnitas apareceu após estudos extensos com gêmeos univitelinos. Gêmeos idênticos nascem com o mesmo DNA, pois se originaram do mesmo óvulo fertilizado que se dividiu em dois, mas podem se tornar diferentes à medida que envelhecem.  Os cientistas achavam que esta diferença era respondida por fatores ambientais, porém os estudos comprovaram que somente o meio ambiente não consegue explicar o motivo de um gêmeo apresentar o Mal de Alzheimer e o outro permanecer saudável, bem como um ser extrovertido e o outro ser tímido.

Para tentar resolver essas questões eles desenvolveram uma nova disciplina que, para os materialistas, tem um teor quase herético: a Epigenética. Esta nova disciplina tem tentado mostrar como fatores como estresse e nutrição podem causar diferenças nos comportamentos de genes individuais, ou seja, os cientistas já perceberam que há outras forças em jogo. Esse fator epigenético pode explicar aos cientistas as questões acima, por que um gêmeo desenvolve uma doença e o outro não.

André Luiz explica que a própria pessoa pode mudar o curso de uma doença, que tudo depende de seu padrão mental, de seu mérito, e de sua força de vontade. E talvez aí esteja a Epigenética que os cientistas tentam encaixar nas incógnitas.


De qualquer forma os geneticistas humanos estão engatinhando para tentar resolver estes problemas, enquanto o Espiritismo, há mais de 50 anos, com André Luiz e Emmanuel, já nos esclareceram sobre esses complexos problemas.

O mais importante é entender que tudo em nossa vida foi carinhosamente planejado e estudado por quem nos ama e nos acompanha sempre: nossos mentores e uma equipe de geneticistas espirituais. O que temos que fazer é melhorar sempre, pois apenas assim poderemos nos ajudar e mudar o curso dos nossos destinos.

 

Fontes:

O Consolador, psicografia Chico Xavier – pelo espírito Emmanuel

Evolução em Dois Mundos, psicografia Chico Xavier - pelo espírito André Luiz

Compartilhar
Topo
Ainda não tem conta? Cadastre-se AGORA!

Entre na sua conta