pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Agosto 2021
Compartilhar -

Conta-se que havia, na cidade de Milão, um homem muito rico, mas demasiadamente tacanho, que quase não falava com pessoa alguma. Além de casmurro, era extremamente avarento. Quando esse homem percebeu que estava no final de sua vida, foi acometido de uma doença tão grave que ele imaginou que a morte estava próxima. Então seus parentes, amigos, vizinhos e religiosos aconselharam a ele que se aproximasse de Deus e se purificasse para obter a salvação. Ele, entretanto, desprezou todas essas judiciosas opiniões e bons conselhos.

Quando o homem sentiu que não viveria por muito mais tempo, chamou para seu lado um compadre a quem prezava mais do qualquer outro homem. O homem pediu a seu amigo que, na hora de sua morte, tomasse uma grande soma de dinheiro e a depositasse em sua tumba, mas que ninguém soubesse de tal coisa. A ideia do homem partia do pressuposto de que a coisa mais preciosa de sua vida havia sido o dinheiro e, assim, desejava que esta relação se mantivesse mesmo depois da morte.

Assim foi feito, e a grande soma foi colocada no ataúde do morto conforme havia sido combinado.

No dia seguinte ao enterro, o compadre foi até ao juiz da cidade e revelou a este que o avarento morto levara consigo uma grande quantia em dinheiro. O juiz ficou muito interessado no ouro do morto e, à noite, mandou que seus agentes fossem ao cemitério e desenterrassem o cadáver e, retirando o ouro que estava com ele, o levassem para o juiz. Os homens foram cumprir as ordens do magistrado, entretanto, quando chegaram à tumba e desenterraram o morto, um espírito incorporou no cadáver e falou com voz muito forte: “ Deixai o ouro em seu lugar pois ele não é vosso”.

Os homens do juiz saíram correndo apavorados com toda a velocidade que as suas pernas lhes permitiram e, quando chegaram à cidade, contaram ao juiz o que lhes havia acontecido.

Está gostando deste artigo? Deseja ler mais?

Por favor faça o login abaixo

Compartilhar
Topo
Ainda não tem conta? Cadastre-se AGORA!

Entre na sua conta