pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Abril 2017
Compartilhar -

O amor, devidamente compreendido, é a energia que nos diviniza, é o traço que nos liga ao Criador, impulsionando-nos a espalhar a Sua vontade pelo universo.

Camilo - Educação e vivências, psicografia de José Raul Teixeira

Saulo de Tarso

Mais conhecido como Raul Teixeira, natural da cidade de Niterói/RJ, um dos grandes baluartes do espiritismo, é licenciado em Física pela Universidade Federal Fluminense, Mestre em Educação pela mesma universidade e Doutor em Educação pela Universidade Estadual Paulista.

Um dos conferencistas mais eloquentes do espiritismo, com presença em todos os estados do Brasil e em 45 países, levando a mensagem espírita a milhares de pessoas.

Após sofrer um AVC (2012), em viagem de difusão espírita aos EUA, ficou impossibilitado de proferir suas inesquecíveis palestras, mas não se afastou de suas lides espíritas. Continua trabalhando incansavelmente pela doutrina que abraçou. Atualmente aposentado pela UFF.

Raul Teixeira é um dos principais fundadores da SEF - Sociedade Espírita Fraternidade, localizada em Niterói. A instituição mantém obra de Assistência Social Espírita denominada Remanso Fraterno que atende a crianças e famílias socialmente carentes, localizada no bairro Várzea das Moças, também nesta cidade.

Abaixo apresentamos entrevista com o médium José Raul Teixeira, onde representam as siglas CE (Correio Espírita) e RT (Raul Teixeira).

 

  1. CE Quando e onde começou seu desenvolvimento mediúnico?

RT Comecei no Grupo Espírita Leôncio de Albuquerque. Lá, recebi as coordenadas para eu saber que a mediunidade tem disciplinas. Foi lá que eu vi a minha vida espiritual mudar para melhor. Onde encontrei os amigos espirituais, que até hoje me orientam.

 

  1. CE Qual foi a sua sensação em ver os primeiros Espíritos?

RT A sensação que eu tive foi igual à de uma visita, porque eu via sempre os espíritos em minha casa e não sabia que eram espíritos. Depois vi que essas visitas me chegavam das paredes, apareciam do telhado. Eu ria, para mim era um conto de fadas. Depois minha mãe me orientou que esses espíritos eram amigos de luz.

 

  1. CE Como foi a primeira psicografia de seu primeiro livro?

RT O Camilo, meu guia, achou que tinha algumas possibilidades para orientar-me na mediunidade. Essas orientações batiam com coisas que outros médiuns queriam saber, então ele escrevendo por mim, atendeu a diversos médiuns.

Esse livro foi chamado por ele de Correnteza de Luz.

 

  1. CE Se não estamos enganados, foram ao todo 34 obras psicografadas. Qual a que chamou mais sua atenção?

RT Todas elas tinham um recado para a família espírita: educação, mediunidade, amor ao próximo, trabalho, vida familiar etc.

 

  1. CE A obra social do Remanso Fraterno foi revelada diretamente ao senhor por algum Espírito?

RT O Camilo me orientou para uma obra de educação de crianças e jovens. Ele não queria uma obra em que a criança ficasse internada, queria que a sua família fosse guindada a visitar a escola e colaborar com ela.

       Assim veio à luz o Remanso Fraterno.

 

  1. CE Qual o balanço que o senhor faz desta obra de amor?

RT O Remanso Fraterno nos faz rever a vida. Muitos pais não dão importância ao estudo dos filhos. Quantas crianças têm facilidades na vida, e, no entanto, deixam a oportunidade passar.

       No Remanso as crianças têm muito carinho, muito amor das professoras, das diretoras, dos funcionários, dos voluntários.

       Essa é uma escola de amor.

 

  1. CE Qual a mensagem que gostaria de deixar aos médiuns?

RT Aprendi com o benfeitor Camilo que para Jesus não tem hora, e a saga do bom médium é estudar o Espiritismo, amar o próximo e conhecer-se.

Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado